sábado, 1 de março de 2008

Fruto proibido




Entraste na minha vida como um sopro…
Fizeste do meu jardim um Éden…
Fruto proibido deixaste de ser…
Ignorando a lógica de todas as lógicas…
Semeaste ventos e tempestades…
Lançaste o caos nas minhas ideias…
Mas trouxeste bonanças…
Escondidas em beijos de açúcar…


Mais me queres, mais te quero…
Não penso em nada mais…
Só penso em Ti.



Algemas-me a vontade…
Levas-me para onde se perdem os olhares…
Arrastas-me contigo em mares de chamas…
Aprisionas-me a alma no teu desejo…



Mais me queres, mais te quero…
Não penso em nada mais…
Só penso em Ti.


Mergulhas-me nas tuas ilusões…
Fazes perder-me em sonhos azuis…
Tudo pedes, tudo desejas…
A rubro nos desenhas…
Neste vaivém de paixões…


Mais me queres, mais te quero…
Já nem mesmo sei…
Se lá fora há Mundo…
Já deixei de pensar…
Só penso em Ti

(01/03/08)

5 comentários:

Sérgio Figueiredo disse...

Amiga, que posso dizer se o que acabo de ler me tira todas as palavras bonitas que mereces.
Apenas que as tuas imagens continuam a ser o que sempre espero e os teus poemas...são Luz (azuis)

Bjs

Moonlight disse...

Renascer num pensar permanente...

Beijo

Dildo disse...

O Puz... quem e k penxas k ex pa me inxultares axim? xua put, nao ex nada! deixei-t u1 rexpt no blog da miuda. paxa por la. E nao t atrevas a inxultar m outra vex, pk eu conhexo mta gentinha capaz de t apanhar. Ou entao... à Grace Kelly. Tu e k escolhes!

rosa dourada/ondina azul disse...

É um pensamento permanente e único, nada mais existe...



Beijinho,

veni_vidi_scribi disse...

Todos temos um fruto proibido no nosso Jardim do Éden :)

Beijinhos e boa semana